publicidade

Hábitos de crédito

Reparar a sua credibilidade perante os bancos/financeiras após ter problemas bancários implica livrar-se da informação negativa presente no seu relatório de crédito mas também tem de pagar toda a divida acumulada. Isso aumentará a sua pontuação de crédito, mas infelizmente muitas vezes não é o suficiente para que seja considerado digno de novo crédito. Para aumentar sua pontuação de crédito o suficiente para usufruir de um novo empréstimo, tem que reconstruir a sua credibilidade. Esse acto irá provar que é capaz de lidar com a responsabilidade de ter um novo crédito.

Embora seja um processo difícil no início, tornar-se-á mais fácil depois de conseguir dar o primeiro impulso na restauração dos seus problemas bancários. O primeiro passo para isto é desenvolver novos hábitos de crédito.

Usar o seu cartão de crédito sabiamente

Ninguém nasce com a habilidade de usar o cartão de crédito sabiamente portanto é necessário aprender as “regras do jogo”. O objectivo é lembrar-se do que pode ou não deve fazer com o seu cartão de crédito e com o tempo irá usar este hábito saudável em toda a sua vida financeira. Este objectivo aplica-se a todos os créditos rápidos do mercado mas o cartão de crédito é aquele crédito rápido que está sempre à “mão”.

A primeira coisa a fazer/aprender é deixar de utilizar o seu cartão nas compras de todos os dias. Comprar gás, gasolina ou até compras do supermercado devem ser pagas a dinheiro ou com o seu cartão de débito. Algumas pessoas dirão que isto não é assim tão fácil de implementar como se pensa mas o segredo está em fazer a coisa aos poucos. Comece por ir ao supermercado com a intenção de só gastar o dinheiro que tiver na mão, nada de cartões. Ao fim de algum tempo verá que além de usar menos o cartão de crédito, também irá poupar cortando nalguns artigos desnecessários, o que é sempre bom!

O próximo passo é desenvolver o hábito de pagar o máximo que puder da divida do cartão de crédito. Muitas pessoas apenas pagam o mínimo mas esta estratégia fará com que pague mais juros durante mais tempo. Ao pagar mais de uma vez usufrui de várias vantagens: fica com a divida paga mais depressa e ainda poupa algum dinheiro.

Esta última dica será a mais difícil de implementar para muitas pessoas. Se é uma daquelas pessoas que costumam comprar coisas que estão muito acima do orçamento disponível, usando para isso o cartão de crédito, terá de deixar de o fazer. A melhor maneira de entrar em problemas financeiros e consequentemente problemas bancários é viver com dinheiro emprestado. Este é o principal hábito a ser controlado pois é ele que “empurra” muitas pessoas para uma situação de desespero.

publicidade

Novos hábitos de crédito a adquirir

Aprender a comprar os produtos que realmente precisa e deixar na loja aqueles que gostaria de ter mas que vive bem sem eles é o primeiro hábito a adquirir. Todas as pessoas conseguem distinguir entre um bem básico e outro supérfluo (um luxo digamos). Se tem dinheiro na mão para comprar o que querer então não há problema mas se vai utilizar um cartão de crédito ou um empréstimo pessoal para comprar algo que não é uma necessidade, deve reavaliar este comportamento. Lembre-se que isto é um acto de responsabilidade perante o banco mas também o ajuda a ter uma vida financeira estável. Mas atenção, se realmente que muito determinado item pode e deve compra-lo mas em vez de usar o cartão de crédito para o fazer, basta que poupe algum dinheiro mensalmente para essa despesa e ao fim de algum tempo terá realizado o seu desejo sem contrair divida.

Outro factor importante é não exceder o limite de crédito que lhe foi imposto, o melhor mesmo é nunca ultrapassar os 30% do máximo permitido. Isto porque a sua pontuação com cliente fiável depende muito deste facto, daí que seja importante manter-se abaixo do “radar” dos bancos e preservar a sua credibilidade.

Quando vê que não há volta a dar, que nunca mais consegue pagar as suas dividas não se limite a entrar em incumprimento, avise o seu credor das suas dificuldades e estes terão todo o interesse em ajuda-lo, no final de contas eles (bancos/financeiras) são os que mais lucram se continuar a pagar o seu crédito.

Notas finais sobre novos hábitos de crédito a adquirir

Este artigo foi pensado para que pudesse usufruir de alguns conselhos úteis com vista a não lhe ser recusado algum tipo de crédito rápido ou mesmo o dito empréstimo tradicional.

Não encare como uma missão impossível mas sim como mais um desafio na sua vida em que o triunfo será a sua estabilidade financeira bem como uma boa reputação perante os bancos e financeiras.

Caso queira acrescentar alguma coisa a esta lista de novos hábitos de crédito a adquirir deixe um comentário.

publicidade

Write A Comment